Neste espaço colaborativo e de distribuição de conhecimento sua presença é fundamental. Aqui compartilho com você estudos, informações, crenças e busco somar esforços com todos e todas que concebem com responsabilidade a desafiante tarefa de educar na sociedade atual

segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Salve 15 de outubro - Dia do Professor


Aos professores de almas enormes

                        Por     Lúcia Serafim

Ensinar é uma prática social ou, como assinalava Freire (1974) uma ação cultural, pois se concretiza na interação entre educadores e alunos, refletindo assim a cultura e o contexto social a que pertencem. Portanto, não se pode reduzir o conceito da prática educativa a somente ações de responsabilidade do professor que, normalmente, se estabelecem em sala de aula em relação a questões pontuais.
O ato de educar, a ação educativa, transcende às ações dos professores e extrapola os limites físicos da sala de aula. O ensino como ação educativa não deve ser colocado como algo apenas da esfera da escola. O processo de ensino permeia todos os níveis de nossas vidas e da sociedade e, ao olharmos para qual é o papel do docente na atualidade devemos ter em mente a ideia de formação de sujeitos aptos a atenderem às exigências de uma vida em sociedade. Significa perceber o processo de ensino em expressões de aprendizagem, como um processo de construção – através da ação reflexiva - de um sujeito consciente de seu papel social, tolerante e respeitador das diferenças, que sabe coexistir... e que traz em si  qualidades de  renovação para que seja elo  de uma época que se transforma.
Como Paulo Freire afirmava, temos que nos lembrar que toda ação educativa deve ser feita no sentido de levar o homem a refletir sobre seu papel no mundo e assim, ser capaz de mudar este mundo e a si próprio.
Sou consciente das agruras de nossa profissão, mas consciente sou também de que apesar de todos os percalços, de todas as dificuldades, é na luta que a VITÓRIA DE NOSSA PROFISSÃO SE CONSTITUI, porque somos Mestres para todos aqueles que estão diariamente em nossas salas de aulas e corredores das escolas da vida.
 E por assim crer relembro hoje  exatamente daquele dia em que ganhei do meu pai um quadro negro grande em boa madeira  como presente pelos  meus 10 anos de idade. Ele me disse que a partir dali eu não precisava mais estar escrevendo nas paredes para ensinar as tarefas das colegas do Grupo escolar  D. Manoel na minha cidade em Fortaleza. Lugar  onde eu estudava e brincava muito... , lugar que tanto amava e que todos os dias me imbuía do papel de professora dos colegas. Se para tantos e tantas ser professor ou professora é motivo de pesar para mim foi e continua sendo motivo de viver, de aprender, de compartilhar, de descobrir-se fazendo, repensando,  de lutar por um mundo melhor, convicta de que a realidade tomada como conteúdo e como referência são desafios para os fortes, para os que não se curvam e nem se vendem abandonando aquilo que consideram valor fundamental " Ser humano".
Nesta caminhar  que não se finda, ora me apoio, ora me debato, ora me alegro, me politizo mais ainda e só há justificativa para tudo isso, quando continuo afirmando meu desejo  constituído "SOU EDUCADORA DE UM NOVO TEMPO".
E nesta data, neste dia nosso, em que professores e professoras erguem com coragem a bandeira da efetiva luta pela educação  competente e séria neste nosso país para todos nós ergo meus aplausos e pelas palavras do saudoso Freire desejo que neste dia 15 de outubro sejamos todos e todas um continente de braços que se abraçam pelo nosso dia-a-dia.“Sou professor a favor da decência contra o despudor, a favor da liberdade contra o autoritarismo, da autoridade contra a licenciosidade, da democracia contra a ditadura de direita ou de esquerda. Sou professor a favor da luta constante contra qualquer forma de discriminação, contra a dominação econômica dos indivíduos ou das classes sociais. Sou professor contra a ordem capitalista vigente que inventou esta aberração: a miséria na fartura. Sou professor a favor da esperança que me anima apesar de tudo. Sou professor contra o desengano que me consome e imobiliza.
Sou professor a favor da boniteza de minha própria prática, boniteza que dela
some se não cuido do saber que devo ensinar se não brigo por este saber, se não luto pelas condições materiais necessárias sem as quais meu corpo descuidado, corre o risco de se amofinar e já não ser testemunho que deve ser de lutador pertinaz, que cansa, mas não desiste”. (Paulo Freire, mestre de todos nós).

Nenhum comentário:

SBIE 2010

ENTRE EM CONTATO...

Apresentação de Augusto Franco no Nodo PB dia 12.09.09 em Campina Grande

CHAT : Educar na Era Digital

TRECHO DE TEXTO DE PAULO FREIRE

"De nada serve, a não ser para irritar o educando e desmoralizar o discurso hipócrita do educador, falar em democracia e liberdade mas impor ao educando a vontade arrogante do mestre" ( FREIRE, Paulo. Professora sim, Tia não, 1995)

Que tal Ler ??? INDICO PARA VOCÊ

Indico este livro que foi traduzido para o Português:

Homo Zappiens: educando na era digital/Wim Veen, Ben Vrakking: tradução Vinicius Figueira. - Porto Alegre: Artmed, 2009. 141 p.

Educar é um compromisso social

Educar é um compromisso social
Simpósio Integrador-Semana CEDUC/UEPB

Filmes Imperdíveis

  • A sociedade dos Poetas Mortos
  • Desafiando Gigantes
  • O Clube do Imperador
  • O ilusionista
  • O mundo dos insetos
  • O sorriso de Monalisa
  • O triunfo
  • Orquestra dos Meninos
  • Ponto de Decisão
  • Prova de Fogo
  • Quase Deuses
Ocorreu um erro neste gadget

Maior Cajueiro do Mundo no Rio Grande do Norte

Maior Cajueiro do Mundo no Rio Grande do Norte
Localiza-se na praia Pirangi com área de 100 por 80 metros, produção de 70.000 cajus por ano, bem doces e já tem 115 anos. Minha foto predileta de setembro

Foto tirada por mim em 19.07.09

Foto tirada por mim em 19.07.09
É mais importante construir o ninho ou ensinar uma andorinha a voar?

Meu Cenário : UEPB Universidade Estadual da Paraíba

Meu Cenário : UEPB Universidade Estadual da Paraíba
Centro onde atuo no curso de Licenciatura em Computação