Neste espaço colaborativo e de distribuição de conhecimento sua presença é fundamental. Aqui compartilho com você estudos, informações, crenças e busco somar esforços com todos e todas que concebem com responsabilidade a desafiante tarefa de educar na sociedade atual

sábado, 8 de maio de 2010

Mães filósofos instintivos





Todo dia é dia de Mãe... Mas é nesta data segundo domingo de maio que procuramos expressar mais ainda a graça de sermos filhos e filhas de nossas mães. Sou tudo o que sou porque ela me gerou, me orientou e me fez uma mulher forte, sensível, alegre, sensata e batalhadora, inclusive me ensinou a me autoafirmar. Mãe sou fruto do belo fruto que fostes. Neste espaço que compartilho com vocês desejo homenagear a todas as mulheres que são mães de filhos e filhas, de causas, de sonhos e lutas. E muito especialmente publico aqui as emoções e a grandeza de um amigo que me enviou este texto e que através dele senti muito do que sei Ser Mãe.








Mãe,

Ser sublime, impar, desenhado em seus contornos pela palavra Mãe.
A Mãe é aquele ser que não conseguimos entender pelo tamanho de seu coração.
A Mãe é o ser incompreendido pela forma carinhosa com que nos aborda.
A Mãe é o ser sempre pronto a nos entender quando nem nós nos entendemos.
A Mãe é o ser que nos entende em um olhar sem que tenhamos, sequer, dito uma palavra.
A Mãe é aquele ser que em nossa tenra idade nos acalenta sem sabermos o sentido do acalentar. Quando crescidos estamos, é do carinho materno a nos socorrer quando necessário.
A Mãe é o ser que, mesmo quando discordamos de suas palavras, sabemos existir razão no dito. Mesmo que esta razão esteja carregada de emoção.
A Mãe é o ser capaz de esconder suas emoções para que melhor a escutemos. Pondo, nós, razão em suas palavras.
A Mãe é aquele ser singular que sangra por dentro, externa através das lágrimas que de seus olhos escorrem aquilo a sentir. Tudo para abraçar o filho amado.
A Mãe é o ser cujo amor é inquestionável, sentimento diferente, sentimento penetrante em nossas pessoas através de seu olhar.
A Mãe é a pessoa a ser chamada de porto seguro quando navegamos em mar revolto.
A Mãe é o único personagem universal através de seus sentimentos expostos a todos e para todos.
A Mãe é a pessoa cujo olhar é desterritorializado. Ultrapassa todos os territórios postos para olhar em direção ao seu endereço clarificado na pessoa de seu filho.
Mãe, portanto, única.
Única a entender o que se passa com seus filhos, pois deles és, simplesmente, MÃE.
Mãe, neste dia a ti consagrado, resta apenas te dizer: OBRIGADO POR SER A MINHA MÃE.







*José Flôr de Medeiros Júnior é Graduado em História, Especialista em História e Sociologia, com atuação na área da educação e política, é filho de uma mãe maravilhosa.

SBIE 2010

ENTRE EM CONTATO...

Apresentação de Augusto Franco no Nodo PB dia 12.09.09 em Campina Grande

CHAT : Educar na Era Digital

TRECHO DE TEXTO DE PAULO FREIRE

"De nada serve, a não ser para irritar o educando e desmoralizar o discurso hipócrita do educador, falar em democracia e liberdade mas impor ao educando a vontade arrogante do mestre" ( FREIRE, Paulo. Professora sim, Tia não, 1995)

Que tal Ler ??? INDICO PARA VOCÊ

Indico este livro que foi traduzido para o Português:

Homo Zappiens: educando na era digital/Wim Veen, Ben Vrakking: tradução Vinicius Figueira. - Porto Alegre: Artmed, 2009. 141 p.

Educar é um compromisso social

Educar é um compromisso social
Simpósio Integrador-Semana CEDUC/UEPB

Filmes Imperdíveis

  • A sociedade dos Poetas Mortos
  • Desafiando Gigantes
  • O Clube do Imperador
  • O ilusionista
  • O mundo dos insetos
  • O sorriso de Monalisa
  • O triunfo
  • Orquestra dos Meninos
  • Ponto de Decisão
  • Prova de Fogo
  • Quase Deuses
Ocorreu um erro neste gadget

Maior Cajueiro do Mundo no Rio Grande do Norte

Maior Cajueiro do Mundo no Rio Grande do Norte
Localiza-se na praia Pirangi com área de 100 por 80 metros, produção de 70.000 cajus por ano, bem doces e já tem 115 anos. Minha foto predileta de setembro

Foto tirada por mim em 19.07.09

Foto tirada por mim em 19.07.09
É mais importante construir o ninho ou ensinar uma andorinha a voar?

Meu Cenário : UEPB Universidade Estadual da Paraíba

Meu Cenário : UEPB Universidade Estadual da Paraíba
Centro onde atuo no curso de Licenciatura em Computação